Os vinhos brancos, apesar de sempre parecerem delicados e finos, também se destacam pelos seus pesos. Um vinho branco pode ser leve, médio ou com muito corpo. Isso é muito importante porque o estilo de um vinho é fundalmental para harmonizar com a comida.

Como vocês já sabem, a cepa e o método de produção definem o peso de cada vinho. No caso dos tintos, é fundamental o nível de compostos fenólicos (taninos e  antocianas) que são abundantemente encontrados na pele das uvas. Mas o que acontece com as cepas brancas? Como definir seus estilos? Como não têm muita carga tânica, que elementos estabelecem seu estilo e peso na boca?

Antes de qualquer coisa temos que dizer que as variedades brancas também têm taninosna suas peles, como outras frutas de cor parecida ou tubérculos como a batata. Segundo, as técnicas de vinificação, como por exemplo deixar o vinho sobre suas borras (células mortas de levadura) depois da fermentação e do bâtonnage (agitação periódica das borras) são muito importantes. E, finalmente, temos que levar em conta que cepas como o Chardonnay ou o Viognier são geneticamente mais corpulentas do que outras.

Se não conhecemos algum vinho e queremos saber qual é o seu peso, recomendo olhar o rótulo e o nível de álcool. Como em todos os estilos, quanto mais alto for a porcentagem de álcool, mais corpo terá o vinho. Não é o único elemento que define a estrutura, mas que sim nos dá uma idéia sobre o estilo.

Brancos de corpo leve e notas cítricas

O nível do álcool nessa categoria é baixo, muitas vezes não passa dos 12,5 %. A temperatura de serviço ideal está entre 8 e 10 ºC.

Estes vinhos brancos, como o Casillero del Diablo Sauvignon Blanc, reservamos para o tira-gosto, peixes, ceviche e comidas de verão.

Eles encantam com seu frescor e corpo leve, que realçam notas cítricas, suculentas e crocantes.

Brancos de corpo leve e com notas verdes

Apesar de representar a mesma cepa e possuir um peso parecido, colocamos o Trio Sauvignon Blanc em uma categoria diferente.

Este vinho apresenta outro estilo de vinho branco leve. A diferença está nas suas notas, que são mais verdes, como grama recém cortada e ervas.

Também debe ser sempre servido a temperaturas baixas, pelo menos 10 ºC.

A taça ideal para esse tipo de vinho branco é de tamanho médio e em forma de tulipa.

Sirva com queijos de cabra delicados, frutos-do-mar e também com pratos fritos como o schnitzel.

Brancos de corpo médio

Uma regra tradicional diz que para acompanhar carnes brancas sempre devemos escolher vinhos brancos. Mas no mundo dos peixes, aves e frutos-do-mar encontramos uma multiplicidade de sabores e diferentes níveis de gordura.

Por exemplo, para uma corvina precisamos de um vinho diferente do que para um salmão ou atum. Por isso os peixes com mais gordura e carnes de ave pedem vinhos brancos de corpo médio como o Casillero del Diablo Chardonnay

Nesse estilo encontramos mais notas de frutas brancas e amarelas, como damascos, pêssegos e frutas tropicais, além de aromas de flores e mel.

A temperatura de serviço está entre 10 e 12 ºC.  E esse estilo é perfeito para uma tábua de queijos.

Brancos de corpo médio de cepas aromáticas

Cepas como Pinot GrigioGewürztraminerRiesling ou Moscato são chamadas de aromáticas porque cada uma, à sua maneira, tem um intenso perfil de notas florais.

Na maioria das vezes, como é o caso do Casillero del Diablo Pinot Grigiooferecem um corpo médio.

Para os sommeliers esas cepas representam uma verdadeira festa. São vinhos muito versáteis e recomendados especialmente com comidas da gastronomia oriental.

Seu nível de álcool está entre 13 e 15 %, e devem ser servidos entre 10 ou 12 ºC.

Brancos  de corpo firme

Os vinhos brancos com corpo firme são voluptuosos e sedutores. Sua estrutura é definida por sua cepa ou método de vinificação.

Um exemplo emblemático dessa categoria é o Casillero del Diablo ViognierA corpulência dessa variedade é tanta que o especialistas dizem em tom de piada que é um vinho tinto feito de uva branca.

Por isso podemos servi-lo com um lombo, tábua de embutidos ou peixe defumado.

Nesse caso, podemos desfrutar de todos os seus aromas de frutas amarelas, flores, mel, frutas secas, bolachas de baunilha e manteiga.

Sirva a 11-12 ºC. Utilize taças reservadas para vinhos tintos (mais largas e profundas), que permitem que a cepa se oxigene e demonstre toda sua voluptuosidade aromática.

O conteúdo Vinho branco e seus estilos aparece primeiro em Winelicious.

Read More > Ler Mais >

IDIOMA | LANGUAGE

24h LIVE STATS

  • 16,972
  • 79,362
  • 735,191
  • 18,798
  • October 17, 2019
error: Content is protected !!